.. Filhotes Persa e Himalaia ***

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

Padrão das Raças Persa e Himalaia

Diferença entre gato Persa e Himalaia

Gato persa Colorpoint

LINDOS FILHOTES DISPONÍVEIS: http://www.eupersamiau.com.br/p/filhotes-gatil-rio-de-janeiro.html

Aspecto geral tanto para a raça Himalaia quanto Persa:
-
tamanho: médio a grande.
Cabeça:
- Formato: redonda, maciça, bem equilibrada, crânio muito largo.
- Testa: arredondada.
- Bochechas: cheias.
- Nariz: curto, largo, com stop bem definido, nariz não arrebitado.
O stop deve estar situado entre os olhos e entre as pálpebras superiores e inferiores. Narinas devem ser largas e abertas para permitir uma respiração sem dificuldades.
- Queixo: forte.
- Maxilares: largos e poderosos.
- Expressão: franca e agradável.

Orelhas:
- Formato: pequenas, com as extremidades arredondadas, bem fornidas de pêlos no interior.
- Inserção: bem distantes uma da outra, colocadas bem abaixo da linha do crânio.

Olhos:
- Formato: grandes, redondos e abertos, distantes um do outro.
- Cor: boa expressão, sólida, brilhante, correspondendo à cor da pelagem.

Pescoço: curto e forte.

Corpo:
- Estrutura: compacto, patas curtas, peito largo, ombros e dorso maciços, bem musculosos.
- Membros: curtos, fortes, firmes.
- Pés: grandes, redondos, fortes. Os tufos de pêlos entre os dedos são desejáveis.

Cauda:
- Curta e espessa.

Pelagem:
- Comprida, densa, textura fina e sedosa (jamais lanosa). Um colar cobre os olhos e o peito.

Faltas que dispensam o certificado:
- Cabeça: qualquer deformidade que deixe a cabeça (crânio e face) assimétrica.
- Maxilares/dentes: língua e dentes aparecendo com insistência.
- Corpo: toda deformidade evidente na coluna. Toda fraqueza do posterior.

Escala de pontos Total: 100 pontos
- Cabeça: Forma geral, largura e comprimento do nariz, stop. Maxilar e dentes. Face, bochechas. Inserção, tamanho, formato. Orelhas. Inserção, forma e tamanho dos olhos: 30 pontos
- Cor dos olhos: 15 pontos
- Corpo: Estrutura, comprimento, tamanho, ossatura, espessura, altura das patas, formato dos pés. Formato e comprimento da cauda: 20 pontos
- Pelagem: cor, desenhos e marcações. "Typping", manchas, pontos. Qualidade e textura.
- Comprimento e densidade: 30 pontos
- Condições: 5 pontos
Vendo filhotes persa colorpoint

GATOS  HIMALAIA

A raça himalaia é considerada uma raça diversa do Persa por algumas Federações , apesar de possuir o mesmo padrão e característica deste e, outras Federações a consideram apenas como um grupo de cor dentro da raça Persa. Apesar das pequenas divergências, o acasalamento entre os Persas e Himalaias é reconhecido e permitido em todas as Federações de Felinofilia.

Possuem os mesmos padrões estabelecidos para o Persa, como posicionamento de orelhas, focinho, tamanho e formato de olhos, estrutura e padrão de corpo, porém, olhos sempre azuis. Possuem olhos azuis, uma vez que sua raça é descendente do cruzamento entre gatos Siameses e gatos de pelagem longa e, por não possuirem pigmento na frente da iris.

Os filhotes ponteados (himalaias) são mantidos aquecidos dentro da mãe até o nascimento, sendo que até esse momento ainda não apresentam a futura coloração. Eles nascem brancos e em torno de 10 dias de vida, aproximadamente, as partes mais frias do corpo do filhote começam a apresentar cor. Primeiramente, a cor é visível nas extremidades das orelhas, na cauda, ponta das patas (pés) e focinho.

O torso, cabeça, pescoço e patas,por serem as partes do corpo mais aquecidas, não apresentam a intensidade total da cor pois a enzima "tyrosinase" é sensível ao calor. Por isso que, normalmente durante o inverno, os gatos ponteados (himalaias) têm o manto mais escurecido, ou conforme vão envelhecendo e sua circulação sangüinea ficando um pouco debilitada.

Eles possuem uma grande variedade de cores, podendo vir associadas aos genes tabby (conhecidos como Lynx Points), smoke, silver, entre outros. São elas: Seal Point, Chocolate Point, Blue Point, Lilac Point, Red Point, Cream Point, assim como as Tortie Point , consideradas as escamas nos himalaias.

****
Gatos Himalaias são oriundos  de Siameses e Persas . Eles têm os mesmos únicos olhos azuis e padrões de coloração de um gato siamês. Sua máscara, orelhas, pés, cauda e pernas possuem  diferentes sombreados bem  como o resto do seu corpo.
     Himalaia é tecnicamente um outro nome para a variedade ponteada da raça  Persa e também segue os mesmos padrões que a raça Persa, mas apresenta  as marcas  ponteadas de um gato Siamês.

História

    A primeira tentativa de produzir um gato Himalaia foi na década de 1920 na Suécia. Uma década depois, os criadores em Massachusetts também fizeram a tentativa, mas foi na Califórnia, em final dos anos 1950 que o gato Himalaia moderno foi finalmente criado.
    A raça  Himalaio é o resultado de uma extensa experiência científica, a partir do cruzamento da raça Siamesa com  a raça Persa a fim de  produzir um felino com um  corpo e pelagem de gato Persa , mas com as marcas padrão de um Siamês.
Descrição
    Gatos Himalaias devem possuir o tipo do Persa, ter um corpo arredondado , compacto, com pernas curtas e grossas, patas grandes e redondas, orelhas pequenas e afastadas, olhos grandes e redondos, cauda curta.... 
    Esta raça de gato tem cara redonda, com bochechas fortes e nariz curto com narinas largas. Himalaia possui grandes e redondos olhos azuis. Muitos leigos me pedem um  gato Persa branco de olhos azuis , mas na verdade é um filhote Himalaio que eles pretendem comprar.

Cuidados
    Os gatos Himalaias precisam de cuidados diários  de higiene a fim de evitar que a pelagem embole e a região dos olhos fique manchada. Assim como os Persas, devem ser banhados a cada 15 dias.
Temperamento da raça Persa- São muito leais e seguem o dono pela casa Você encontrará  sites diferenciando o temperamento do Himalaia e do Persa.  Há quem diga que são mais aventureiros, ativos e até difíceis de medicar. Mas de acordo com minha experiência  não há diferença. Dois fatores influenciam no temperamento: a herança genética  (portanto certifique-se que os pais de seu futuro bebê sejam muito dóceis) e a forma como foi cuidado até sua ida para o novo lar. 

   Filhotes de gato Himalaia à venda: www.eupersamiau.com.br


 Atenção: Cuidado com ofertas de filhotes Top Show!!!! Isso não existe, sendo apenas uma forma de atrair leigos, fazendo-os pensar que o filhote em questão possui um padrão superior. Não caia nessa, é estratégia de venda ssociada a um bom papo convincente a fim de vender mais facilmente filhotes que podem estar fora de padrão. Existem pessoas anunciando filhote top show que possui orelhas imensas, maxilar torto, ou com bochechas e queixo fraco, etc....Enfim, filhotes muito longe da perfeição dentro dos padrões da raça . Mesmo que o filhote esteja com um bom tipo, por estar em desenvolvimento não há ainda como afirmar qual será seu padrão final. Nem o juíz mais experiente é capaz de prever. Eu fico com péssima impressão quando vejo "criadores" anunciando filhotes como top show. Aliás, não apenas eu mas todos os criadores sérios e responsáveis. Caso eu estivesse pensando em adquirir um gato de tal gatil, ali seria o momento de desistir para sempre.

****************
O gato Persa deve ter olhos de cor cobre intensos .

Para ver as fotos e  cores da raça Persa visite a seguinte página: http://www.gatospersa.net/2011/07/cor.html

Ancestrais dos gatos Persas foram levados para a Europa no século 17, juntamente com jóias, seda e especiarias da Ásia Central, provavelmente Pérsia (Irã). Outros gatos de pêlo longo (angorá) vieram da Turquia e foram adicionados à raça. Referências a esses gatos remontamn a 1684 A.C. Gatos Persa têm sido populares desde os tempos victorianos. No século 19, o gato Persa tornou-se o símbolo de luxo entre a elite europeia. Estes gatos estavam entre as primeiras raças a serem registradas e expostas em shows. Eles foram chamados pela primeira vez de Longhairs, o termo foi usado até 1960. Muitos gatos Persas que foram encontrados nos EUA vêm do acasalamento de gatos  Angora  e Maine Coon. Ou seja, mutas cruzas de gatos de pelagem longa foram feitas até que se chegasse Á RAÇA Persa. É JUSTAMENTE POR ESTE MOTIVO que exstem divergências quanto a sua origem. Na época os criadores nada entediam sobre genética e usavam apenas o senso comum

Os gatos persas - Personalidade




Os gatos Persa são uma raça em número popularidade. Eles são conhecidos por suas personalidades doces e suaves que se adaptam facilmente às famílias barulhentas ou calmas. Os gatos Persa são calmos e gentis. Eles possuem uma  voz calma e melodiosa e podem se comunicar através de olhares expressivos. Eles são companhias encantadoras. 

Gatos Persas são capazes de entreter-se e não são destrutivos. Alguns Persas possuem uma qualidade de serenidade que lhes permite sentar-se como uma estátua por um longo tempo. A raça Persa é brincalhona sem ser excessivamente ativa. Devido à sua massa corpórea e pernas curtas, eles não gostam de  saltar, mas como todos os felinos são excelentes escaladores.


quarta-feira, 3 de julho de 2013

A Chegada Do Gatinho Em Casa

Quando você adquire um persa, ou passa por uma mudança de residência, tenha em mente o seguinte:

O gato, quando muda de ambiente, sente-se estressado, e se já houver na casa outro pet, evite que o gato tenha contato com os outros, de forma que ele possa observar cada um deles, mas sem que traga medo, só o suficiente para que ele se habitue, assim em alguns dias ele se acalmará e se acostumará com o ambiente.
Durante o período de adaptação, observe se o gato apresenta alguns dos sintomas como:
Não aceita a alimentação ou come muito pouco, diarréia, e fica se escondendo o tempo todo, isto é normal, ele está estressado e ainda não se adaptou ao local.
Mas tenha muito cuidado, no caso da diarréia, certifique-se que está dando a mesma ração que o gato recebia anteriormente, pois a troca abrupta de ração faz com que o gato tenha diarréia. Caso a diarréia não passe, alimente-o com uma papa feita com peito de frango cozido e moído, com um pouco de sal e com o caldo engrossado com maizena, para firmar as fezes do gato. Contudo se o gato não melhorar em 24 horas, ou mesmo vomitar e não comer, procure trazer um veterinário imediatamente até a casa, quanto menos o gato for exposto a mudanças melhor, caso não seja possível leve-o ao veterinário.
Não se esqueça de oferecer brinquedos para ele, assim ele começará a brincar vagarosamente e se ambientará ao novo lar.
O enxoval do gatinho
um pote  de inox ou louça para ração e outro  para água
caixa de transporte
tesoura especial para cortar unha de gato
pente
shampoo e toalha
caminha ou colchãozinho ou edredon
arranhador

brinquedos
banheirinho para a areia sanitária e pazinha própria para limpar a areia

Nesta página você poderá ver alguns produtos para o enxoval de seu bebê à venda na petshop do gatil. Assim vc já adquire tudo ao ir buscar seu bebê, sem precisar se deslocar a diversas petshops à procura dos ítens necessários:  http://www.gatospersa.net/p/petshop-do-gatil-rio-de-janeiro.html

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

Ajude assinando a petição

Por favor clique no banner e assine a petição em prol dos  golfinhos de Taiji
http://www.causes.com/actions/1724723-challenge-japan-to-end-taiji-dolphin-hunt-for-tokyo-2020-olympic-bid?reposter=165072

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Problemas Nas Articulações de Gatos


Alterações,Descrições , Sintomas e Procedimentos
Artrite
Pode ocorrer após infecções nas articulações, luxações ou traumas ou então como uma degeneração das cartilagens em função da idade. Sintomas: articulações endurecidas e doloridas e animal mancando.
Se o gato estiver mancando, consulte imediatamente um veterinário. Drogas anti-inflamatórias poderão ser prescritas para aliviar este estado.
Desmineralização
Filhotes alimentados somente com carne vermelha não comem minerais suficientes e, como consequência, o desenvolvimento ósseo poderá ser deficiente e poderá ocorrer retardo no crescimento. Este problema também pode afetar gatos adultos.
Um veterinário indicará alterações alimentares. O tratamento envolve suplementação mineral.
Excesso de Vitaminas
Fornecer a um gato excesso de alimentos ricos em vitaminas A ou D ou ministrar uma superdosagem de suplementação vitamínica pode levar à uma deformação da coluna.
Corrigir a dieta. Só ministre suplementos alimentares sob prescrição veterinária.
Fenda Palatina
Defeito de nascimento causado por uma falha no osso do palato duro que não se desenvolve totalmente.
Algumas vezes é viável a correção através de cirurgia.
Fraturas Ósseas
A maioria das fraturas é causada por atropelamento ou quedas mal calculadas. Na fratura interna o osso não rompe a pele e na fratura exposta o osso fica visível. No caso de uma fratura provavelmente o animal entrará em estado de choque, poderá perder sangue e apresentar ferimentos internos.
Consulte um veterinário imediatamente para imobilização do membro afetado. NÃO tente tratar sozinho a fratura pois, isto pode piorar o problema.
Luxações
Deslocamentos articulares podem resultar de queda ou acidente e, geralmente, a área mais afetada é o quadril. Sintoma: dor súbita com dificuldade de se apoiar sobre as patas traseiras.
É necessário um tratamento veterinário urgente. Ele recolocará a articulação no lugar com o gato anestesiado.
Osteomielites
Um ferimento profundo causado por briga pode infeccionar e, se isto se agravar, pode atingir o osso. Os sintomas de infecção óssea incluem febre, inchaço, secreções e manqueira.
Ferimentos sérios e profundos devem SEMPRE ser tratados por um veterinário e poderá ser necessário que o animal ingira antibióticos.
Torções
Problemas musculares são raros, entretanto ocorrem quando um tendão ou ligamento é estirado além de seus limites. Sintomas: inchaço e manqueira temporária.
Caso haja aumento do volume do membro, consulte um veterinário. O tratamento envolve utilização de compressas frias.

  1 - Vértebras Caudais
 2 - Vértebras Sacrais
 3 - Vértebras Lombares
 4 - Vértebras Torácicas
 5 - Vértebras Cervicais
 6 - Crânio(Caixa Craniana)
 7 - Mandíbula(Maxilar Inferior)
 8 - Escápula (Ombros)
 9 - Úmero
10 - Rádio
11 - Falanges (Artelhos)
12 - Metacarpo(Pata Dianteira)
13 - Carpo (Pulso)
14 - Ulna
15 - Esterno
16 - Costelas
17 - Metatarso (Pata Traseira)
18 - Tarso (Joelho, Jarrete)
19 - Tíbia (Canela)
20 - Fêmur (Coxa)
21 - Pelve


terça-feira, 24 de julho de 2012

Genética Gato Exótico

Em primeiro lugar gato "Persa Exótico" não existe. Persa é uma raça, Exótico outra. Quem anuncia filhotes "Persa Exótico" para venda obviamente não conhece a diferença entre uma raça e outra, provavelmente nem pedigree tem de seus gatos ou saberia que os pais estão registrados como Exóticos. O gato Exótico foi desenvolvido a partir do cruzamento com as raças Britsh Shorthair (Pêlo Curto Inglês), American Shorthair (Pêlo Curto Americano) e SRDs (viralatas).  O gato Exótico por ter genes dos gatos de pêlo curto são mais ativos do que os Persas, que são mais tranquilos, tendem mais a pedir colo e dormir enroscadinho com seu humano favorito.
O gene para pêlo curto é "L" e é dominante. 
O gene para pêlo longo é o "l" e é recessivo.
Um gato de pêlo curto heterozigoto é Ll, um gene dominante e outro recessivo. Recebeu o L de um dos pais e l de outro. De acordo com a cruza que for feita ele poderá produzir tanto filhotes de pêlo curto quanto de pêlo longo. Seus filhotes de pêlo longo serão Exóticos de pêlo Longo (Exotic Long Hair) . Por isso um criador deve ter cuidado em analisar o pedigree de cada gato que pretender comprar, pois em algumas federações os Exóticos de pêlo longo não podem participar de exposições. Se no pedigree constarem Exóticos, apesar da semelhança com a raça Persa os filhotes de pêlo longo serão registrados como Exotic Long Hair(Exótico de Pêlo Longo). Já a FIFE registra estes gatos como Persas e assim podem competir em exposições dentro da categoria. Mas cuidado porque em outras  federações isto não ocorre e na hora de vender os filhotes haverá limitações. Dois gatos Exóticos de pêlo curto poderão produzir filhotes de pêlo longo caso sejam ambos heterozigotos.
Um gato de pêlo curto homozigoto é LL, ié, possui 2 genes dominantes.Produzirá apenas filhotes de pêlo curto.  Ele recebeu um gene L do pai e outro gene L da mãe . 




venda filhote gato exotico chocolate comprar

Tabela

Defina a Cor Dos Pais Para Saber As Possibilidades De Cores Dos Filhotes

/>

 

ColorCarried Genes Other GenesGenotype
Sire:
Tabby
Chocolate
Dilute
Homozygous Tabby
Dam:
Tabby
Tortie
Chocolate
Dilute
Homozygous Tabby


Os Filhotes Terão As Seguintes Cores:

MaleFemaleMaleFemale
Black Brown Tabby
Blue Blue Tabby
Chocolate Chocolate Tabby
Lilac Lilac Tabby
Red Red Tabby
Cream Cream Tabby
Black-Tortie Black-Tortie Tabby
Blue-Cream Blue-Cream Tabby
Chocolate-Tortie Chocolate-Tortie Tabby
Lilac-Cream Lilac-Cream Tabby

Proibida a Cópia e Reprodução- Adaptado por Célia Duque (gatillucaslove@gmail.com)

TRY

Defina a Cor Dos Pais Para Saber As Possibilidades De Cores Dos Filhotes

ColorCarried GenesOther GenesGenotype
Sire:
Tabby
Chocolate Dilute Homozygous Tabby
Dam:
Tabby Tortie
Chocolate Dilute Homozygous Tabby
Os Filhotes Terão As Seguintes Cores:
MaleFemale MaleFemale
BlackBrown Tabby
Blue Blue Tabby
Chocolate Chocolate Tabby
LilacLilac Tabby
RedRed Tabby
Cream Cream Tabby
Black-Tortie Black-Tortie Tabby
Blue-Cream Blue-Cream Tabby
Chocolate-Tortie Chocolate-Tortie Tabby
Lilac-Cream Lilac-Cream Tabby

Proibida a Cópia e Reprodução- Adaptado por Célia Duque (gatillucaslove@gmail.com)